ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

106 anos da inauguração do Theatro Municipal de São Paulo

Última modificação : Segunda, 02 Janeiro 2017 14:16



 

No mês de setembro comemora-se o aniversário de 104 anos da inauguração de um dos principais templos da arte no Brasil: o Theatro Municipal de São Paulo.  Responsáveis pela construção, Ramos de Azevedo e os italianos Cláudio Rossi e Domiziano Rossi são reverenciados até hoje por conta da grandiosidade arquitetônica do teatro, considerado um dos principais pontos turísticos da cidade.

 

 

Inaugurado em 12 de setembro de 1911, o Theatro Municipal teve grande inspiração europeia em todas as fases de sua construção. O Theatro sofreu fortes influências da Ópera de Paris e sua arquitetura externa é perpassada por traços renascentistas barrocos do século XVII. Seu interior é composto por colunas neoclássicas, vitrais, mosaicos e muitas obras de arte, bustos, medalhões e bronzes.

 

Confira trecho da ópera La Traviata, realizada no teatro em 2012: http://bit.ly/17lfUbq

 

 

No período de 1912 a 1926, o teatro apresentou 88 óperas de 41 compositores, sendo dezessete italianos, dez franceses, oito brasileiros, quatro alemães e dois russos, totalizando 270 espetáculos. Mas o fato mais marcante do teatro no período e talvez em toda a sua existência não foi uma ópera e sim um evento que assustaria e indignaria grande parte dos paulistanos na época: a Semana de Arte Moderna de 1922.

 

Vídeo: http://bit.ly/1fRgGPp

 

 

Na década de 50 acontece a primeira grande reforma, de 1952 a 1955, durante a gestão do prefeito Jânio da Silva Quadros. Esta reforma teve por objetivo a entrega do Teatro para as comemorações do Quarto Centenário da cidade de São Paulo, mas por atraso nas obras, a reinauguração só aconteceu em 1955.

 

O teatro foi palco de uma bela apresentação da soprano Deborah Voigt em composições de Wagner:

http://bit.ly/1cZsoHY

 

 

Atualmente, o corpo artístico do Theatro Municipal de São Paulo é composto pela Orquestra Sinfônica Municipal, Orquestra Experimental de Repertório, Balé da Cidade de São Paulo, Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo, Coral Lírico, Coral Paulistano e as Escolas de Dança e de Música de São Paulo e pelo Museu do Teatro, que guarda a história artística e social do Teatro.

 

Com John Neschling, o Theatro Municipal de São Paulo abre temporada com "Aida". http://bit.ly/1ax8LcU