ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

SANFONA | VIELA DE RODA

Última modificação : Quarta, 06 Maio 2015 17:15


 

Família: corda friccionada (cordofone)

 

A sanfona, também chamada de viela de roda, é um instrumento musical de corda friccionada (cordofone). O que a torna característica, do ponto de vista sonoro, é o fato de se parecer com um violino com bordões e por ser capaz de produzir um zumbido usado ritmicamente através de uma corda apoiada numa ponte móvel (a mosca), pelas cordas serem friccionadas por uma roda com resina, por intermédio de uma manivela, e pela melodia ser criada através de um teclado.



VieladeRoda 

França, 1780

Fonte: Wikimedia Commons

Foto de: Frinck51

 

 

O som produzido por este instrumento assemelha-se a um cruzamento entre um violino, por ser de corda friccionada e que produz uma melodia, e uma gaita-de-fole, por ter bordões, que apenas reproduzem uma nota contínua, nota pedal.

 

Supõe-se que a sanfona surgiu no século XI, no norte da Península Ibérica, embora alguns historiadores acreditem que surgiu no Norte da África.

 

A sua forma mais arcaica conhecida é o organistro (também conhecido pela designação em latim, "organistrum"), um enorme instrumento com corpo de guitarra, com apenas uma corda, que cobria uma oitava diatônica, e dois bordões, ainda sem a ponte móvel.

 

Este instrumento, devido ao seu tamanho, exigia ser tocado por duas pessoas, uma friccionando as cordas e a outra tocando a melodia. Isso era feito puxando para cima barras de madeira com pinos que encurtavam a corda de modo a produzir diferentes notas. Como este movimento requer algum esforço, as melodias tocadas eram lentas.

 

A versão francesa de seis cordas vielle à roue é o tipo mais conhecido e mais comum deste instrumento. Fora da França foi considerado um instrumento folclórico, não havendo assim escolas para ensinar a tocá-lo ou determinar um modelo padrão para o instrumento.Existe basicamente dois formatos de corpo para os instrumentos tocados hoje em dia: formato de guitarra e formato de alaúde.

 

Com a introdução do órgão, caiu em desuso no século XII. A sanfona passa então a ser usada pela nobreza, trovadores, jograis e pelo povo. Com o passar do tempo, mendigos, cegos e vagabundos usam-na para tocar nas ruas e em feiras. No final do século XIX o instrumento entra em decadência, tendo quase desaparecido totalmente. Em Portugal perdurou até princípios do séc. XX, extinguindo-se. No entanto, na década de 1990 foi redescoberto e hoje em dia encontramos alguns instrumentistas que tocam esse instrumento.


 

Vídeo

 

 

Artigo relacionado:

. Órgão

 

 

 

 



 

Fonte:

Wikipedia.org