ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

Theatro Municipal do Rio de Janeiro apresenta Fidelio, de Ludwig van Beethoven

Última modificação : Segunda, 20 Abril 2015 14:10



 TMRJ logo new

 

 

A Fundação Theatro Municipal do Rio de Janeiro, vinculada à Secretaria de Estado de Cultura (SEC), abre sua temporada lírica de 2015 com Fidelio, única ópera composta por Ludwig van Beethoven (1770-1827). Serão quatro récitas com o Coro e a Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal, a partir de 26 de abril, tendo a soprano Melba Ramos e o tenor Martim Homrich como intérpretes dos papéis centrais de Leonore e de Florestan.



TMRJ CoroOrquestraSinfonica Salvador Scofano

Coro e Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro

© Salvador Scofano

 

 

Completam o elenco de solistas, a soprano Julie Davies, os baixos Savio Sperandio e Paul Armin Edelmann, o barítono Sebastian Noack e o tenor Santiago Ballerini. Na nova montagem, a premiada Christiane Jatahy assina a direção cênica, Marcelo Lipiani faz a direção de arte, Beto Bruel desenha a iluminação e a dupla Antonio Medeiros e Tatiana Rodrigues elabora os figurinos. A direção musical e a regência são do Maestro Isaac Karabtchevsky.

 

A ópera Fidelio nasceu de uma gestação de quase dez anos para Beethoven, desde a estreia desastrosa, em 1805, até sua consagradora terceira versão, de 1814. O compositor alemão pretendia abordar em sua ópera uma discussão sobre poder e justiça, sob o ponto de vista da afirmação do indivíduo e seus valores afetivos, temas afinados com o Romantismo, movimento prenunciado na obra dos então jovens escritores Goethe e Schiller, admirados por Beethoven. Não por acaso, a cena final foi considerada extremamente ousada naqueles idos do século XIX, pois mostrava a tomada de uma prisão e a libertação de todos os presos políticos. A trama narra a história de Leonore, mulher que se disfarça de homem e assume a identidade do personagem-título para buscar seu marido, Florestan preso nas masmorras da Prisão Estadual de Sevilha. Durante a busca, Marzelline, filha do chefe dos carcereiros, se apaixona por Fidelio e o pai da moça, sem saber que se trata de uma mulher disfarçada, se apressa em marcar o casamento. A primeira apresentação de Fidelio no Theatro Municipal foi em 1927, em versão italiana com regência do Maestro Gino Marinuzzi.

 

O projeto Falando de Ópera está de volta na temporada de 2015 e terá como palestrante o Maestro Silvio Viegas, Maestro Titular da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal. Ele falará sobre a história de Fidelio e abordará também detalhes específicos desta montagem. As palestras são gratuitas, com uma hora de duração, com início uma hora e meia antes do começo de cada sessão, no Salão Assyrio.

 

 

Aqui você encontra informações detalhadas

 

 

Serviço

FIDELIO

Música – Ludwig van Beethoven

Libreto – Joseph Ferdinand Sonnleithner e Georg Friedrich Treitschke, com base na peça Léonore ou L’amour Conjugal de Jean-Nicolas Bouilly

 

CORO E ORQUESTRA SINFÔNICA DO THEATRO MUNICIPAL

Direção Cênica – Christiane Jatahy

Direção Musical e Regência – Isaac Karabtchevsky

 

Iluminação – Beto Bruel

Direção de Arte – Marcelo Lipiani

Figurinos – Antonio Medeiros e Tatiana Rodrigues

 

Solistas:

Leonore – Melba Ramos, soprano

Florestan – Martin Homrich, tenor

Rocco – Savio Sperandio, baixo

Pizarro – Sebastian Noack, barítono

Don Fernando – Paul Armin Edelmann, baixo

Marzelline – Julie Davies, soprano

Jaquino – Santiago Ballerini, tenor

Primeiro Prisioneiro – Ricardo Tuttmann, tenor

Segundo Prisioneiro – Fabrizio Claussen, barítono

 

Estreia: Dia 26 de abril, às 18h

Dias 28 e 30 de abril, às 20h

Dia 2 de maio, às 20h

 

Preços:           

Frisas e camarotes – R$ 600,00

Plateia e balcão nobre – R$ 100,00

Balcão superior – R$ 80,00

Galeria – R$ 50,00

Desconto de 50% para estudantes e idosos

 

Classificação etária: 5 anos

Duração: 180 minutos, com intervalo

Capacidade: 2.244 lugares

 

Palestra Falando de Ópera

Apresentação: Maestro Silvio Viegas

Salão Assyrio / Avenida Rio Branco, s/nº - Centro

Entrada Franca, mediante a apresentação do ingresso (todos os dias da temporada, com início sempre 1h30 antes do espetáculo)

Duração: 60 minutos

 

Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Praça Floriano s/n° - Centro

Informações: (21) 2332-9191

www.theatromunicipal.rj.gov.br

 

Vendas na Bilheteria, no site http://ingresso.com/ 

Ou pelo telefone 21 4003-2330.




 

As programações são fornecidas pelas entidades promotoras ou pelas assessorias de imprensa e estão sujeitas a alterações de quaisquer natureza. Sempre confirme pelo telefone ou site fornecidos neste artigo antes de sair de casa.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VEJA AS NOTÍCIAS MAIS RECENTES