ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

Isaac Albéniz

Última modificação : Sexta, 22 Maio 2015 13:37



 

Isaac Albéniz foi dos principais compositores, pianistas e dramaturgos da Espanha. Nasceu em Camprodon, próximo a Gerona, na Catalunha e era uma criança notável e extremamente talentosa para a música.

 

Continue lendo

 

 

Como uma criança que era excepcionalmente talentosa ao piano, Isaac Albéniz apresentou-se pela primeira vez publicamente em Barcelona, com quatro anos. Dois anos depois sua mãe o levou para Paris, onde, durante nove meses, estudou com Antoine François Marmontel, um renomado professor de piano no Conservatório de Paris. Tentou inscrever-se no Conservatório de Albéniz, mas foi negada a admissão por ser muito jovem. Ao retornar à Espanha, deu vários concertos e publicou a sua primeira composição, Marcha Militar.

 

Ouça aqui Ibéria, um sucesso do compositor: https://youtu.be/R13GcRQSPxU

 

 

Em 1868 a família de Isaac Albéniz mudou-se para Madrid, onde começou a estudar na Escola Nacional de Música y Declamación (atualmente no Conservatório Real de Música). O menino pianista inspirou grandes elogios e foi aclamado como o maior prodígio na Espanha, sendo muitas vezes comparado a Mozart. Logo, porém, Albéniz tornou-se inquieto e impaciente com seus estudos.

 

Com doze anos, fugiu para a Argentina como um clandestino em um navio. Enquanto estava lá ele disse ter ganhado a uma vida tocando em bares até que foi capaz de organizar uma série de concertos que rendeu um montante considerável de dinheiro - o suficiente para lhe permitir viajar a Cuba, Porto Rico e Estados Unidos.

 

Ouça outro clássico do compositor, Suite Española: https://youtu.be/I_Iaqu59aCY?list=PLD78B64BD91A4313E

 

 

O ano de 1883 foi um importante ponto na vida de Albéniz. Depois de uma turnê sul-americana, ele se estabeleceu em Barcelona, onde conheceu Felipe Pedrell (1841-1922), descrito como o pai da música espanhola. Pedrell foi um professor, compositor e musicólogo que tinha feito uma quantidade considerável de pesquisa em música espanhola antiga. A partir dessa relação, Albéniz começou a incorporar elementos da música tradicional espanhola em suas composições.

 

Ouça Cantos de España: https://youtu.be/74wQK-auJwQ

 

 

Albéniz morreu em 18 de maio de 1909 com 48 anos em Cambo-les-Bains da doença de Bright, e está enterrado no del Cementiri Sudoest em Monjuïc , Barcelona. Até hoje, Albéniz é considerado uma das figuras mais importantes da história musical da Espanha.


Ouça Pavana-Capricho: https://youtu.be/zCU-T5VbL5U